Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]


Ontem, hoje e amanhã

por *Márcia S.*, em 26.08.15

Troquei o certo pelo incerto. Tudo o que damos como certo um dia foge sem deixar rasto. O incerto faz-me viver um dia de cada vez, desafiar limites, ser feliz com pequenos gestos.
Troquei o que tinha garantido pelo que nunca tive. Preferi conquistar hoje o que ontem não tinha e amanhã é outro dia. Amanhã talvez se torne uma presença agradável e impossível de esquecer.
Troquei os sentimentos pela razão. O que ontem me fragilizou, hoje fortaleceu-me e amanhã já me conquistou. Os sentimentos são uma fraqueza que ontem me dominaram, hoje me deixaram e amanhã já foram esquecidos.
Quero uma aventura daquelas desafiantes. Daquelas aventuras que me fazem aceitar sem pensar duas vezes, daquelas que ninguém aceitaria, daquelas que desafiam todas as leis e limites.
Só quero uma aventura para ontem, enquanto é tempo. Hoje já é tarde e amanhã ninguém se lembra.

Autoria e outros dados (tags, etc)



10 comentários

Imagem de perfil

De Andy Bloig a 26.08.2015 às 16:11

Estás inspirada...
Welcome to the world of adventures. Select the key you want:
1- A big mountain. 3 awesome boys are waiting for you at the entrance.
2- A pound. Not big. You cannot see what is on the other side.
3- A big garden. There´s a boy waiting to take you on his arms and talk with you.
4- A road. There is a girl seating on the sidewalk that doesn´t look to happy.
5- A city. There are 3 boys and 2 girls waiting for you to get into the cityline.
6- A house. The door is open, lights are out and nobody can be seen.
Imagem de perfil

De *Márcia S.* a 26.08.2015 às 16:24

Já sabes o que escolho, não é novidade. 6

Por acaso estás com sorte de eu perceber tudo. ;)
Imagem de perfil

De Andy Bloig a 26.08.2015 às 16:45

(se não percebesses... mandava-te para o google ... porque o 1 ponto é o único que tenho em Inglês)

6-
Aproximaste da casa e ouves um som que mais parece um sino. Continuas a andar até que, ao chegares à porta, ouves um grito. É um grito de uma rapariga que parece em desespero. O que fazes?
1- Entras a correr?
2- Esperas para ver se o grito se repete e descobres de onde veio.
3- Voltas para trás a correr a gritar por ajuda a alguém que te ouça?
Imagem de perfil

De *Márcia S.* a 26.08.2015 às 16:50

eu perceber percebo, falar é que não.
Estás a inventar muito....
2
Imagem de perfil

De Andy Bloig a 26.08.2015 às 16:58

(Bah... dás pouca luta, sua aventureira)

2- Sentaste num bocado de madeira e esperas que o grito se repita. Começa a anoitecer. Não voltaste a ouvir nada. Acabas por entrar na casa, encontras tudo sujo e destruído. Desistes de explorar e vais-te embora. Ao saíres dás de cara com a tua melhor amiga que ouviu um grito quando estava em casa e veio à procura de quem é que gritou. Regressam a casa a conversar e planeiam voltar aquela casa no dia seguinte.
Na manhã seguinte, juntam-se e seguem o mesmo caminho. A casa ardeu durante a noite. Ficam chateadas por não terem explorado quando lá estiveram à porta.
Imagem de perfil

De *Márcia S.* a 26.08.2015 às 17:01

Sabes que a história somos nós que a fazemos.
Imagem de perfil

De Andy Bloig a 26.08.2015 às 17:21

Escolheste uma que não têm nenhum final mau... Pena foi que ficaste logo no primeiro beco.
Já te mando as outras opções dessa tua escolha. Para poderes ver qual era o caminho "agradável".

(e sim, também já esperava que escolhesses aquela opção inicial, não esperava era que te encolhesses logo no primeiro beco...)

Já agora, preciso de ir cortar a pastar a opção 6 para te mandar pela outra maneira, enquanto trato disso, és capaz de responder de onde vinha aquele grito?
(a resposta está ali em cima)
Imagem de perfil

De *Márcia S.* a 26.08.2015 às 17:31

Tenho ideias mas não arrisco dizer uma.

Comentar post



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Mensagens