Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


Há dias e dias

por *Márcia S.*, em 15.07.16

Há dias que preciso de um grande balde de água fria para relembrar que não devia baixar as defesas e deixar o coração falar mais alto que a cabeça. Nem sempre vale a pena dar tudo pelas pessoas que nos rodeiam quando não sabemos quem são a 100%. Costumo dizer que deixo de gostar mais depressa das pessoas do que começo a gostar, e cada vez tenho mais certezas dessa minha teoria. Consigo ser a pessoa mais fria do mundo, mas ao mesmo tempo a mais sentimental. Ao contrário do que fui, agora afasto-me logo quando me sinto ferida. Prefiro dar o silêncio aos poucos, afastando-me cada vez mais.
Aos poucos tudo vai ficando mais claro, acho que me prefiro enquadrar na frieza que construi em mim do que no coração sensível que tive. Cheguei a um momento que já não me importa os sentimentos que deixei crescer pelas pessoas e prefiro sentir a 100% por mim mesma. É mais seguro, dói menos, não faz tanto estrago e não preciso de pensar em como me afastar. Acho que me habituei a gostar mais de mim e não troco isso por dias de sentimento por outro alguém. Talvez frieza a mais, egoísmo para uns. Para mim é mais essencial ter os sentimentos a 100% por mim mesma do que entregar a um outro alguém que hoje retribui e amanhã não se recorda.

Autoria e outros dados (tags, etc)



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Mensagens